Estática de Viga

Estática de Viga – Vertical

Depois de ter definido todas as ações, clique no botão “Estática de Viga – Vertical” no menu principal para realizar um desenho estrutural preliminar para montantes. Em primeiro lugar, selecione a unidade de comprimento aplicada em “Parameters” (Parâmetros) e, em seguida, determine a posição da viga na construção. Em relação ao último ponto, é necessário calcular a carga de vento correspondente. Cabe ao utilizador decidir se quer conceber vãos de vigas individuais, duplos ou múltiplos.

Vão de Viga Individual

Para calcular vãos de vigas individuais, selecione a opção “Single-Span-Beam” (Vão de Viga Individual) em “System” (Sistema) e insira os valores de “Length (L)” (Comprimento), “Field Width Left (WL)” (Campo Largura Esquerda) e “Field Width Right (WR)” (Campo Largura Direita). Em seguida, decida se quer aplicar perfis da base de dados ou determinar valores Ix livres e materiais (alumínio, aço, entre outros).

Na parte direita do formulário, em “Calculation” (Cálculo), pode encontrar a carga de vento aplicada e o valor Ix necessário. O campo “Análise Estrutural” mostra os limites de deflexão aplicados e a deflexão atual, inclusive a taxa de utilização da secção.

Para simplificar o desenho de vãos de vigas individuais, assume-se que o comprimento da borda de vidro seja igual ao comprimento do vão de viga. A área de carga aplicada é calculada de forma separada para os campos esquerdo e direito, como trapezoide ou triângulo. Se considerar os campos de vidro de uma forma mais exata, selecione a opção “Multi-Span-Beam” (Múltiplos Vãos de Vigas).

Vãos de Vigas Duplos

As entradas para o desenho estrutural preliminar de vãos de vigas duplos seguem os mesmos princípios de entrada que os vãos de vigas individuais. No entanto, presume-se que, para simplificar, a área de carga aplicada seja representada por um rectângulo resultante da metade da largura de cada um dos campos esquerdo e direito, e que o comprimento da borda de vidro seja idêntico a metade do comprimento da viga.

Múltiplos Vãos de Vigas

O método mais exato para conceber montantes consiste na inserção destes como múltiplos vãos de vigas. Por conseguinte, é possível considerar diferentes alturas e larguras de campos de vidros no lado esquerdo e direito do montante. Para tal, primeiro selecione a opção “Multi-Span-Beam” (Múltiplos Vãos de Vigas) em “System” (Sistema) e, em seguida, clique no botão “Edit” (Editar).

No formulário “Multi-Span-Beam” (Múltiplos Vãos de Vigas), pode determinar o comprimento da viga, suportes, e campos de vidro. Em “Support” (Suporte) é possível definir suportes intermediários adicionais, clicando no botão “Auto”, que divide a viga em vãos iguais, ou definir suportes intermediários de forma manual, clicando no botão “+”. Os campos de vidro da esquerda e direita seguem o mesmo princípio.

Impressões

Para imprimir os resultados do desenho estrutural preliminar do montante, clique no botão “Print” (Imprimir) e selecione as opções de impressão designadas no diálogo seguinte:

Estática de Viga – Horizontal

Para um desenho estrutural preliminar de vãos, clique no botão “Beam Statics – Horizontal” (Estática de Viga – Horizontal) no menu principal do módulo de análise estrutural. A entrada funciona da mesma forma que a opção “Single-Span-Beam” (Vão de Viga Individual) na função “Beam Statics – Vertical” (Estática de Viga – Vertical). Aqui pode determinar o topo e fundo na altura do campo, em vez de esquerda e direita na largura do campo. Além disso, o programa precisa de informações sobre a espessura do vidro e a distância do suporte de vidro.

No lado direito do formulário pode encontrar os resultados do desenho Ix e Iy, em que as linhas do cálculo de Ix são mostradas em preto e as linhas do cálculo de Iy em azul. As impressões são criadas da mesma forma que na função de “Beam Statics – Vertical” (Estática de Viga – Vertical).